Sumaré

Sumaré (444)

Quarta, 20 Junho 2018 22:44

PAT Sumaré 5 vagas abertas, incluindo PCD

Escrito por

O PAT (Posto de Atendimento ao Trabalhador) da Prefeitura de Sumaré está com vagas de emprego abertas, em diferentes áreas, das quais oito são voltadas para pessoas com deficiência. Confira:

 

  • 1 vaga para Atendente Bilíngue (fluência em japonês) – cadastros até dia 25 de junho
  • 2 vagas para Auxiliar Administrativo PCD (Pessoas com deficiência) – cadastros até dia 26 de junho
  • 1 vaga para Funileiro/Pintor de Automóveis (masculino) – cadastros até dia 27 de junho
  • 1 vaga para Eletricista de Automóveis (masculino) – cadastros até dia 27 de junho

Os candidatos interessados nestas oportunidades devem procurar o PAT, dentro do prazo de cada cargo, no prédio do “É Pra Já” da Prefeitura (Praça das Bandeiras, nº 650, Centro). O horário de funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 8 às 16 horas. É necessário apresentar Carteira Profissional, CPF, RG, número do PIS (Cartão Cidadão) e comprovante de endereço com CEP. Para mais informações, o telefone é o (19) 3399-5638.

 

Fonte: Secretaria Municipal de Comunicação

 

 

A Guarda Municipal de Sumaré realizou na manhã de hoje, dia 20, mais uma “Operação Chorume”, desta vez na Avenida Lindório Constantino, no Parque Itália. Foram vistoriados 51 caminhões de lixo e dois receberam multa por derramar chorume nas vias da cidade. As operações tem o objetivo de fiscalizar e evitar este tipo de infração ambiental, que também traz riscos à saúde dos moradores e de acidentes de trânsito. Neste ano, mais 300 caminhões já foram vistoriados e 32 multados.

 

“Realizamos a operação periodicamente em pontos estratégicos da cidade. Muitos veículos são oriundos de outros municípios e utilizam as vias de Sumaré como rota para descartar os resíduos no aterro em Paulínia. Visamos conscientizar os motoristas e as empresas, para que regularizem os veículos e cumpram a legislação. O chorume nas ruas, além de causar o mau cheiro e poluir o meio ambiente, atrai insetos e outros animais transmissores de doenças, tornando-se uma questão de saúde pública. Nossa intenção com essas operações é cuidar dos nossos moradores e da nossa cidade”, afirmou o prefeito Luiz Dalben.

 

As operações são realizadas com base na Lei Municipal nº 5.793 de 2015. De acordo com o inciso 12 do artigo 29, “transportar lixo, resíduo ou produto perigoso derramando na via pública” é infração ambiental, com multa de R$ 3.336,96. Além disso, o derramamento de carga nas vias também é considerado infração gravíssima pelo Código de Trânsito Brasileiro.

 

Além dos fiscais da Secretaria de Meio Ambiente e da SMMUR (Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana e Rural), agora os guardas municipais de Sumaré também podem realizar as notificações e aplicar as multas. Cinquenta e seis GCMs foram capacitados recentemente, seguindo decreto do prefeito Luiz Dalben, como agentes de fiscalização ambiental (15) e de trânsito (41).

 

Os moradores podem auxiliar a Prefeitura na fiscalização, denunciando irregularidades na Guarda. O telefone é 3873-2656.

 

Fonte: Secretaria Municipal de Comunicação

 

 

A Câmara de Sumaré aprovou o projeto de lei nº 78/18, de autoria do vereador Dr. Sérgio Rosa (PDT), nesta terça-feira, 19 de junho, durante a 20ª sessão ordinária, que institui o programa “Doadores do Futuro” em todas as escolas da rede pública municipal de ensino com o objetivo de conscientizar os alunos sobre a importância da doação voluntária de sangue.

 

“A escola é o local de construção do saber e é importante que demonstre a importância sobre a doação de sangue, despertando desde cedo o conhecimento sobre esse tema tão importante. De modo que esses alunos possam se tornar os futuros doadores de sangue com as informações obtidas”, comentou o vereador.

 

A proposta consiste na realização de palestras durante o ano letivo de conscientização e orientação sobre a doação, contando com a colaboração de profissionais específicos da área da saúde municipal.

 

Também foram aprovados os dois projetos de lei apresentados pelo Poder Executivo. O projeto de lei nº 93/18 autoriza o Executivo Municipal para promover a abertura de crédito adicional e especial no valor de R$ 143.945,12.

 

E o projeto de lei nº 94/18 autoriza o Poder Executivo Municipal para promover a abertura de crédito adicional e especial no valor de R$ 225.283,75 para custear despesas com aquisição de equipamentos e materiais permanentes através de convênio firmado com o Ministério da Educação por meio do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação.

 

O título de cidadão sumareense ao Padre Claudiney Ferreira de Almeida também foi aprovado através do projeto de decreto legislativo nº 03/18, de autoria do vereador Dirceu Dalben (PPS).

 

E ainda foi aprovado o projeto de lei nº 50/18, de autoria do vereador Marcio Brianes (PCdoB) que regulariza a Avenida 01 do Lado A e sua contígua Avenida 02 do Lado B, do Loteamento denominado Industrial Veccon Gamma com o nome de Avenida Olívio Callegari.

 

Fonte: Câmara Municipal de Sumaré

 

 

A cidade de Sumaré recebe neste domingo (24) mais uma edição do “Mais Arte”, projeto que visa promover apresentações culturais para toda a população, ocupando ambientes urbanos com os mais diversos tipos de arte. O evento, gratuito, terá início às 14 horas e será realizado na Praça Padre Mansur Rodrigues Mansur (próxima ao Velório Municipal de Sumaré), localizada na Rua Borba Gato, Parque Florença.

 

Nesta edição, o “Mais Arte” contará com apresentações de bandas independentes, realização de grafite, slackline, tecido artístico, poesia, além de feiras e exposições.

 

“É um compromisso da nossa gestão realizar e dar apoio a eventos como o Mais Arte. São atividades que contribuem para o acesso gratuito da população à cultura, arte e lazer. Todos estão convidados a participar”, disse o prefeito Luiz Dalben.

 

Fonte: Secretaria Municipal de Comunicação

 

 

Os vereadores de Sumaré aprovaram nesta terça-feira (19/06), durante a 20ª sessão ordinária, o substitutivo total ao projeto de lei nº 96/18 que limita o tráfego de veículos transportando lixo e resíduos de classe IIA (orgânicos e não-inertes) e classe IIB (inertes) em determinadas ruas dos bairros Jardim Dall’Orto, Jardim Santa Carolina, Parque Itália e Parque Salerno, caminho conhecido como a “rota do lixo”.

 

De acordo com o projeto o tráfego desses veículos ficará limitado entre as 0h00min (zero hora) e 06h00min (seis horas) nos dias da semana e nos finais de semana e feriados das 18h00min (dezoito horas) às 06h00min (seis horas). Estão fora da limitação os veículos credenciados à prestação de serviços públicos do município de Sumaré.

 

Em Sumaré, diversos caminhões de lixo vindos de outras cidades passam dentro dos bairros causando transtornos à população com a deterioração do asfalto e trazendo mau cheiro às residências e comércios, inclusive restaurantes.

 

Os moradores denunciaram aos vereadores as situações de insalubridade e periculosidade, cobrando solução para encerrar essa “Rota do Lixo”. Dentre os relatos, até casos de atropelamentos por caminhões de lixo foram citados.

 

O trajeto conhecido como “Rota do Lixo” atinge bairros da região do Maria Antônia/Dall’Orto. Dentre os prejuízos, está a denúncia de que os caminhões com carga acima do permitido sobrecarregam a malha asfáltica provocando buracos e desnível. Outro malefício diz respeito ao mau cheiro exalado pelo lixo nos caminhões e também pelo chorume, muitas vezes derramado por todo o caminho.

 

 Além das residências, comércios como restaurantes, drogarias, sorveterias, academia e outros, sofrem com o cheiro insuportável. Também há uma escola na “Rota do Lixo” que precisou improvisar outra entrada e saída para alunos, a qual não é adequada, pois há o risco de atropelamento devido a alta velocidade que alguns desses caminhões praticam.

 

Fonte: Câmara Municipal de Sumaré

 

 

A “Boutique Solidária” segue percorrendo os CRASs (Centros de Referência em Assistência Social) de Sumaré e, até o momento, já beneficiou 1.360 famílias em situação de vulnerabilidade com roupas, calçados e cobertores – itens arrecadados com a Campanha do Agasalho 2018, promovida pelo Fundo Social de Solidariedade. Iniciativa do prefeito Luiz Dalben, as boutiques foram implantadas no ano passado, com o objetivo de levar mais dignidade aos moradores, permitindo que eles escolham as peças que melhor atendam suas necessidades – tudo gratuitamente.

 

O CRAS do Horto Florestal foi o primeiro a receber a boutique no início deste mês e, na ocasião, foram atendidas 320 famílias. Já na semana passada, a distribuição dos agasalhos foi feita no CRAS Cruzeiro, beneficiando outras 240 famílias. Nessa segunda e terça-feira, a atividade aconteceu no CRAS Matão (800 famílias) e segue nesta quarta e quinta ao CRAS Angelo Tomazin, onde serão atendidas outras 1.120 famílias em situação de vulnerabilidade social. A programação segue até o próximo mês, com a expectativa de atender a 5.300 famílias cadastradas pela Secretaria de Inclusão, Assistência e Desenvolvimento Social.

 

“Este é um belíssimo projeto, que foi bastante elogiado pelas famílias no ano passado e, por isso, está sendo realizado novamente este ano. As famílias dos CRASs sempre receberam doações da Campanha do Agasalho, mas nunca tinham tido a oportunidade de escolher as peças, aquelas que servem melhor, que são mais do estilo e do gosto de cada pessoa. Agora, estamos dando essa oportunidade a elas, com o objetivo de cuidar cada vez mais e melhor do nosso povo”, comentou o prefeito Luiz Dalben.

 

CAMPANHA DO AGASALHO

Apesar do início da distribuição das peças, a Campanha do Agasalho, a população pode continuar realizando suas doações para a Campanha do Agasalho, que já arrecadou cerca de 85 mil peças, atingindo novo recorde. Basta procurar pelos pontos de coleta e deixar sua contribuição, doando roupas, calçados, agasalhos, cobertores e também brinquedos em bom estado (estes últimos serão doados às crianças no Dia das Crianças). São mais de 100 pontos espalhados por toda a cidade, em mercados, comércios, prédios públicos, clubes de serviços e entidades assistenciais.

 

“Nossa Campanha do Agasalho já é um grande sucesso, tanto em quantidade como na qualidade das peças recebidas. Apesar de já termos iniciado a distribuição às famílias por meio das Boutiques Solidárias, ainda continuamos recebendo doações. Temos certeza de que com a união e solidariedade de todos, podemos fazer a diferença para aqueles que mais precisam novamente”, comentou a presidente do Funssol, Mara Dalben.

 

 

Fonte: Secretaria Municipal de Comunicação

 

 

 

Ipiranga e Sport Bom Retiro são os finalistas da 1ª Copa Aki Tem Área Cura. A grande final será no próximo domingo, dia 24, às 8h30, na Arena Bom Retiro. A competição regional conta com o apoio da Prefeitura de Sumaré. Toda a população está convidada a participar. Basta levar um quilo de alimento não perecível, que posteriormente será destinado a instituições de caridade. Durante toda a manhã, haverá ainda distribuição de pipoca e algodão doce, brinquedos gratuitos para as crianças, shows e boi no rolete.

 

A Copa Aki Tem Área Cura é organizada pelos moradores Roberto D’Areia e Jair do União, em parceria com a Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer. O campeonato contou com a participação de doze equipes amadoras da região: América, Galáticos, União Bandeirantes, Sol Nascente, União Bom Retiro, Santiago, Sport Bom Retiro, Ipiranga, Florêncio, GR Família Unida, Cruzeirinho e Associação Chapecoense. Os clubes foram divididos em três grupos e as oito melhores equipes avançaram para as fases de mata-mata.

 

“São compromissos do nosso governo incentivar o esporte, que contribui para o bem-estar e qualidade de vida da nossa população, assim como ajudar aquelas famílias que mais precisam. Convidamos toda a população a participar de mais um dia de esporte e lazer, dessa vez na região da Área Cura”, comentou o prefeito Luiz Dalben.

 

 

Fonte: Secretaria Municipal de Comunicação

 

 

Em mais uma ação de comemoração dos 150 anos de Sumaré, a Prefeitura de Sumaré está firmando mais uma importante parceria com a Faculdade de Medicina São Leopoldo Mandic: a implantação de um Centro da Mulher na cidade, um espaço privativo de atendimento médico feminino. O secretário de Saúde de Sumaré, Rubens Gatti, reuniu-se na manhã de hoje, dia 19, com o coordenador da faculdade, Guilherme Succi, para iniciar as tratativas da instalação do espaço. Também participaram do encontro o secretário de Desenvolvimento Econômico, Josué Cardoso, além de colaboradores municipais e o vereador Dirceu Dalben.

 

O Centro é um espaço de atendimento das mulheres, proporcionando privacidade, conforto e acompanhamento diferenciado para as pacientes. O local irá realizar atendimento ginecológico, obstétrico, além de encaminhamentos para exames específicos, como mamografia. A Prefeitura prepara um local adequado para a implantação do espaço, que deve ser inaugurado nos próximos meses.

 

“Essa é mais uma importante parceria com a São Leopoldo Mandic, no sentido de humanizar a Saúde de Sumaré – neste caso, oferecendo um atendimento especializado às mulheres. Temos cerca de 170 mil moradores dependentes do SUS (Sistema Único de Saúde) e, desse total, cerca de 60% são mulheres. Por isso, nossa intenção é criar um ambiente exclusivo para elas, para que sejam acolhidas com carinho e privacidade. Nos 150 anos de Sumaré, esse é mais um presente que queremos entregar para a população”, disse o prefeito Luiz Dalben.

 

A idealização do espaço é do Fundo Social de Solidariedade da cidade e da Secretaria Municipal de Saúde. “Pensando no acolhimento digno das mulheres, iniciamos um atendimento especializado na área social, com apoio permanente às mulheres, inauguramos a Sala do Bem na UPA Macarenko, um local de acolhida psicossocial para que essas mulheres sintam-se seguras, e agora expandimos para a assistência diferenciada na área da saúde. Em parceria com as secretarias municipais, fomentamos ações de atenção, suporte e apoio à classe feminina, oferecendo cada vez mais benefícios às nossas moradoras”, explicou a presidente do Fundo Social, Mara Dalben.

 

“Sem dúvidas, é um importante projeto que vem contribuir neste processo de reestruturação e humanização do atendimento em Saúde. Atualmente, temos 800 gestantes realizando o acompanhamento na rede municipal, com consultas e exames e o Centro  irá auxiliar muito na assistência de qualidade às pacientes”, completou o secretário de Saúde, Rubens Gatti.

 

“Agradecemos a oportunidade de poder participar desse projeto tão engrandecedor e que irá agregar tanto à população. Investimos nas parcerias com o setor público para que nossos alunos vivenciem a realidade de serviços vinculados ao SUS, é muito importante para a faculdade compartilhar nosso conhecimento com a comunidade, trazendo novas pesquisas, inovações e trazendo professores e alunos a campo para uma troca de experiências, contribuindo para o atendimento da população”,comentou o coordenador da Faculdade, Guilherme Succi. 

 

 

Fonte: Secretaria Municipal de Comunicação

 

 

O vereador Dr. Sérgio Rosa (PDT) apresenta para discussão e votação nesta terça-feira, 19 de junho, durante a 20ª sessão ordinária, o projeto de lei nº 78/18 que institui o programa “Doadores do Futuro” em todas as escolas da rede pública municipal de ensino com o objetivo de conscientizar os alunos sobre a importância da doação voluntária de sangue.

 

“A escola é o local de construção do saber e é importante que demonstre a importância sobre a doação de sangue, despertando desde cedo o conhecimento sobre esse tema tão importante. De modo que esses alunos possam se tornar os futuros doadores de sangue com as informações obtidas”, comentou o vereador.

 

A proposta consiste na realização de palestras durante o ano letivo de conscientização e orientação sobre a doação, contando com a colaboração de profissionais específicos da área da saúde municipal.

 

 

 

 

Vereadores discutem e votam dois projetos nesta 

18/06/2018 (Segunda-Feira)

 

O prefeito Luiz Dalben apresenta dois projetos de lei para discussão e votação na 20ª sessão ordinária que será realizada nesta terça-feira, dia 19 de junho. O projeto de lei nº 93/18 autoriza o Executivo Municipal para promover a abertura de crédito adicional e especial no valor de R$ 143.945,12.

Já o projeto de lei nº 94/18 autoriza o Poder Executivo Municipal para promover a abertura de crédito adicional e especial no valor de R$ 225.283,75 para custear despesas com aquisição de equipamentos e materiais permanentes através de convênio firmado com o Ministério da Educação por meio do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação.

 

 

 

 

Vereador Dirceu Dalben apresenta projeto de título de cidadão sumareense

11/06/2018 (Segunda-Feira)

 

O vereador Dirceu Dalben (PPS) apresenta o projeto de decreto legislativo nº 03/18 para discussão e votação que confere o título de Cidadão Sumareense Padre Claudiney Ferreira de Almeida.

O vereador Marcio Brianes (PCdoB) apresenta o projeto de lei nº 50/18 para regularização da Avenida 01 do Lado A e sua contígua Avenida 02 do Lado B, do Loteamento denominado Industrial Veccon Gamma de Avenida Olívio Callegari.

 

 

Fonte: Câmara Municipal de Sumaré

 

 

No 1º quadrimestre de 2018, a Prefeitura de Sumaré investiu 25% de suas receitas na área da Saúde, ultrapassando a aplicação mínima exigida por lei, que é de 15%. Os dados foram apresentados na última quinta-feira, dia 14, em audiência pública de prestação de contas realizada na Câmara Municipal. Com os investimentos, a Prefeitura ampliou em 25% o número de atendimentos na rede de Atenção Básica, em 31% no Ambulatório de Especialidades e em 8% nas duas principais unidades de urgência e emergência do município – as UPAs Macarenko e Matão.

 

De acordo com o relatório, de janeiro a abril de 2018 foram empenhados R$ 47 milhões na Saúde de Sumaré, o que representa cerca de 25% das receitas de impostos no período. De acordo com a legislação, a aplicação mínima é de 15%, o que ficaria em torno de R$ 28 milhões.

 

“A Saúde é prioridade no nosso governo e iniciamos este segundo ano de gestão com várias conquistas e números expressivos. Eles mostram a evolução na estrutura e na qualidade do atendimento da rede municipal, além do resgate da confiança da população quando o assunto é saúde pública. Agradecemos ao empenho de toda a equipe até aqui e continuamos trabalhando para oferecer aos nossos moradores um serviço cada vez mais ágil e humanizado”, comentou o prefeito Luiz Dalben.

 

Na rede de Atenção Básica, foram realizados 254.969 atendimentos no 1º quadrimestre deste ano, entre consultas, procedimentos de enfermagem, odontológicos e visitas domiciliares. O número é 25% maior que o registrado no quadrimestre anterior (setembro a dezembro de 2017), quando foram realizados 191.788 atendimentos. A Prefeitura de Sumaré também ampliou os “Grupos de Cuidado em Saúde” de 153 no último quadrimestre de 2017 para 182 no primeiro quadrimestre deste ano – um aumento de 19%. Estes grupos visam à promoção a saúde – são grupos que trabalham questões como planejamento familiar, saúde da mulher, saúde mental, tabagismo, hipertensão, diabetes, grupos de gestantes, de caminhadas, Lian Gong, desenvolvimento infantil, entre outros.

 

No Ambulatório de Especialidades Médicas, os números também são positivos. A Prefeitura de Sumaré investiu no aumento da oferta de vagas de consultas em cardiologia e oftalmologia; contratou médicos pneumologista (pulmões) e nefrologista (rins); realizou uma reestruturação no atendimento de enfermagem, elaborando normas e rotinas; adquiriu novos equipamentos e realizou outros investimentos estruturais como a instalação de ar condicionado nos consultórios e de ventiladores nas salas de espera, conserto do telhado, entre outras ações. Com tudo isso, o atendimento foi ampliado em 31% se comparado a 2017. Ao todo, foram registrados no 1º quadrimestre deste ano 33.815 atendimentos em consultas médicas, fisioterapia, fonoaudiologia, exames como eletrocardiograma e espirometria, entre outros procedimentos. No mesmo período do ano passado, haviam sido 23.460 atendimentos.

 

O Centro de Especialidades Odontológicas também apresentou evolução de 24%, passando de 3.750 atendimentos realizados de janeiro a abril de 2017, para 4.924 no mesmo período deste ano.

 

Em urgência e emergência, os resultados não são diferentes. Foram 147.342 pessoas atendidas nas cinco unidades de pronto atendimento da cidade, sendo 69.402 na UPA Macarenko e 40.851 na UPA Matão. Nessas duas unidades, o aumento é de 8,25% no número de atendimentos se comparado ao quadrimestre anterior (setembro a dezembro de 2017).

 

Esses e outros dados foram apresentados pelo secretário municipal de Saúde, Rubens Gatti, e demais responsáveis pelos diversos setores da pasta, na presença do Conselho Municipal de Saúde, que aprovou o relatório de prestação de contas.

 

“Sabemos que ainda temos muito trabalho pela frente, mas, com muita dedicação e empenho de toda a equipe, a realidade encontrada hoje na Saúde de Sumaré é bastante diferente daquela que nos deparamos no início de 2017. Nosso trabalho continua, não vamos medir esforços para oferecer um atendimento cada vez mais digno à população de Sumaré, como prioriza o prefeito Luiz Dalben”, destacou o secretário.

 

Fonte: Secretaria Municipal de Comunicação

 

 

Tapeçaria Maracanã

Programa de reconstrução capilar

 Revista Época

Anunciante Clements

© 2017 - Grupo Interativo Negócios | Jornal Sumaré | Jornal Interativo | Site Interativo

Rua Conceição, 233 - CEP 13.010-916 - Campinas/SP

Fones: (19) 3384-6388 / 99283-6239 Whatsapp

E-mail: contato@jornalsumare.com.br

 

Edições semanais com 5 mil exemplares distribuídos em 175 pontos em toda cidade,
Em supermercados, bancas de revistas e jornais e algumas empresas.