Em alusão ao Dia Mundial de Conscientização do Autismo, celebrado dia 2 de abril, a Secretaria de Educação de Sumaré, em parceria com a Associação Pestalozzi da cidade, promoveu na tarde de hoje, dia 13, a segunda edição do encontro “Desvendando o Autismo – Conhecimento e Conscientização”. A atividade foi voltada para os gestores da rede municipal de ensino e pais de alunos que possuem TEA (Transtorno do Espectro Autista).

 

A secretária de Educação, Mirela Cia Medeiros, abriu o encontro. “É nosso dever oferecer uma educação de qualidade para todos os nossos alunos. É claro que não é uma tarefa fácil, há situações que fogem do convencional e nos obrigam a sair de nossa zona de conforto. Para isso, ao longo do ano, promovemos capacitações e treinamentos de atualizações com nossos gestores, para que saibam como lidar com os estudantes que precisam de atenção especial de maneira confortável e humana. A inclusão dos alunos com TEA nas escolas já evoluiu bastante, porém, trabalhamos para que essa tarefa seja cumprida de maneira eficaz, com carinho e qualidade. Nosso objetivo não é apenas inserir esse aluno na sala de aula, mas sim fazer com que o nível de aprendizagem e conhecimento seja igual ao dos demais”, comentou.

 

Durante o encontro, houve palestras sobre o autismo, ministradas pela psicopedagoga e coordenadora da Pestalozzi, Regiane Araújo, que ainda expôs o trabalho realizado na instituição, e pela pedagoga especializada da APAE de Nova Odessa, Eliane Piconi. O evento ainda contou com uma apresentação da banda da Associação Pestalozzi, formada alunos com deficiências físicas e intelectuais. O objetivo foi auxiliar os professores a identificar uma criança com autismo e a promover a inclusão social da criança, por meio de ações e estratégias e informações sobre a convivência e as formas de tratamento.

 

“Queremos promover a inclusão das nossas crianças com autismo e garantir que todos os alunos tenham o mesmo nível de aproveitamento escolar, oferecendo tratamento correto por parte de nosso corpo docente. Tendo profissionais bem preparados para lidar com as adversidades, nossas crianças certamente atingirão o patamar de aprendizado e dignidade que elas merecem”, disse o prefeito Luiz Dalben.

 

A Rede Municipal de Educação conta com 92 alunos autistas, que recebem acompanhamento e são assistidos pelo AEE (Atendimento Educacional Especializado). Por meio de uma sala de recursos multifuncionais e de uma equipe multidisciplinar, os estudantes recebem uma ampliação pedagógica e de ensino, que complementa ou suplementa a formação. Alguns alunos também são assistidos pelo CIRASE (Centro Integrado de Recursos de Aprendizado e Saúde Escolar) e pela APAE.

 

Fonte: Secretaria Municipal de Comunicação

Publicado em Sumaré

Em alusão ao Dia Mundial de Conscientização do Autismo, celebrado dia 2 de abril, a  Secretaria de Educação de Sumaré promoverá no dia 13 de abril, a segunda edição do encontro “Desvendando o Autismo”. A atividade será voltada para os gestores e pais de alunos que possuem TEA (Transtorno do Espectro Autista) da rede municipal de ensino, das 13 às 17 horas, na Faculdade Anhanguera de Sumaré, na região central.

 

Durante o encontro, haverá palestras sobre o autismo e uma apresentação dos alunos com necessidades especiais da Associação Pestalozzi da cidade. O objetivo é auxiliar os professores a identificar uma criança com autismo e a promover a inclusão social da criança, por meio de ações e estratégias de formação e informações sobre a convivência e as formas de tratamento.

 

“Queremos promover a inclusão das nossas crianças com autismo e garantir que todos os alunos tenham o mesmo nível de aproveitamento escolar, oferecendo tratamento correto por parte de nosso corpo docente. Tendo profissionais bem preparados para lidar com as adversidades, nossas crianças certamente atingirão o patamar de aprendizado e dignidade que elas merecem”, disse o prefeito Luiz Dalben.

 

A Rede Municipal de Educação conta com 92 alunos autistas, que recebem acompanhamento e são assistidos pelo AEE (Atendimento Educacional Especializado). Por meio de uma sala de recursos multifuncionais e de uma equipe multidisciplinar, os estudantes recebem uma ampliação pedagógica e de ensino, que complementa ou suplementa a formação. Alguns alunos também são assistidos pelo CIRASE (Centro Integrado de Recursos de Aprendizado e Saúde Escolar) e pela APAE.

 

OAB

Também para celabrar a data, a subseção da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) da cidade fará um evento com apoio da Prefeitura no dia 8 de abril, das 9 às 12 horas, na Praça das Bandeiras, região central, organizado pela Comissão de Direito de Inclusão de Pessoas com Deficiência da OAB de Sumaré.

 

Dentre as atividades oferecidas, haverá pintura facial, narração de histórias, teatro de fantoches, personagens vivos (heróis e princesas), aula de alongamento e zumba, distribuição de pipoca, algodão doce, cataventos, livrinhos de colorir, camisetas para os 500 primeiros que chegarem ao evento e folders de conscientização. Além disso, o evento contará com o OAB Solidária, que é o atendimento gratuito para a orientação jurídica à população.

 

Todas as atividades oferecidas ao público são gratuitas, com exceção da venda de alimentos e bebidas, que será realizada pelas instituições que atendem as pessoas com deficiência no município (Associação Pestalozzi, Nisfran, APAE e Equoterapia Carinha de Anjo).

 

Fonte: Secretaria Municipal de Comunicação

 

 

Publicado em Sumaré

Tapeçaria Maracanã

Programa de reconstrução capilar

 Revista Época

Anunciante Clements

© 2017 - Grupo Interativo Negócios | Jornal Sumaré | Jornal Interativo | Site Interativo

Rua Conceição, 233 - CEP 13.010-916 - Campinas/SP

Fones: (19) 3384-6388 / 99283-6239 Whatsapp

E-mail: contato@jornalsumare.com.br

 

Edições semanais com 5 mil exemplares distribuídos em 175 pontos em toda cidade,
Em supermercados, bancas de revistas e jornais e algumas empresas.