A posse de 21 estudantes no Parlamento Jovem da Câmara Municipal de Sumaré será realizada nesta quinta-feira (07/02) a partir das 19 horas em Sessão Solene no Anfiteatro do Centro Administrativo de Nova Veneza (Antigo Seminário). Também será realizada a diplomação, eleição da mesa e sorteio do apadrinhamento por vereadores. A sessão será aberta ao público em geral.

O objetivo do projeto é contribuir para a formação cidadã, despertando a responsabilidade pelas mudanças sociais, além de promover a integração com o Legislativo. Cada membro do parlamento jovem terá um tutor, o qual deve proporcionar uma assistência permanente, mediante explicações sobre todos os atos e procedimentos das atividades da vereança.

Durante o decorrer do ano os vereadores jovens irão participar de sessões ordinárias iguais às sessões dos vereadores de Sumaré, onde vão poder apresentar projetos, votar e debater os problemas da cidade. Uma vez no mês os parlamentares jovens participarão de cursos, palestras e afins visando à formação político-social dos mesmos.

As sessões do Parlamento Jovem serão mensais, a serem realizadas no primeiro sábado de cada mês as 10 horas, com exceção ao mês de fevereiro no qual será realizada na primeira quinta-feira por ocasião da diplomação e posse.

Conheça os vereadores jovens:

Jhony Duarte Fernandes – E.E. João Franceschini;

Karine Lima Monteiro – E.E. Ângelo Campo Dall Orto;

Kezia Keliane Gomes de Jesus – E.E. Profº Vito Carmine Cerbasi;

Victor Alves Ferreira – E.E. Vereador Euclides Miranda;

Pathenopy Caroline Bertoli – E.E. Profª Sonia Maria Maschio Baptista;

Ana Abigail de Sousa Santa – E.E. Manuel Albaladejo;

Com 171 votos, Giovana da Silva Jamberti da E.E. Profª Maria Cheila Alves;

Com 165 votos, Diogo V. Borges Alves da E.E. Prefeito José Miranda;

Lincom Rodrigues Leite – E.E. Marinalva Gimenes Colossal da Cunha;

Ana Paula Miranda Alves – E.E. Profª Elysabeth de Mello Rodrigues;

Lindsey de Fátima Borges – E.E. Profª Alice Antenor de Souza;

Alessandro Pantarotto – E.E. Antônio do Valle Sobrinho;

Mateus Vieira da Silva – E.M. Dr. Leandro Franceschini;

Orlando Nicolau V. Filho – E.E. Savino Campigli;

Paolla Eduarda Bertolini Sanchez – E.M. Dr. Leandro Franceschini;

Keite Aline Santos – E.M. Dr. Leandro Franceschini;

Leison Silva Oliveira – E.E. Savino Campigli;

Larissa Ap. A. Gundim – E.E. Profª Leonilda Rossi Barriquelo;

Matheus Cavalcante de Lima – E.E. Profª Alice Antenor de Souza;

Reinaldo Costa de Andrade – E.M. Dr. Leandro Franceschini e;

Felipe Salvino Rodrigues – E.E. Luiz Campo Dall Orto Sobrinho.

Publicado em Sumaré

Os vereadores de Sumaré aprovaram o projeto de lei nº 94/17, de autoria do vereador Marcio Brianes (PCdoB) que obriga as empresas concessionárias de energia elétrica e água a emitir recibo de comparecimento quando promover a leitura dos contadores, o qual deverá conter as seguintes observações: data da visita e o horário, nome do empregado responsável pela medição e a leitura feita.

A votação aconteceu na 23ª Sessão Ordinária do ano realizada na noite desta terça-feira (08/08) na Câmara Municipal de Sumaré. Os vereadores também discutiram outros assuntos da cidade, como a saúde, o transporte público, água e esgoto, e aprovaram requerimentos, indicações e moções.

De acordo com o projeto do vereador Brianes, na ausência do proprietário do imóvel ou de um responsável pelo local, o comprovante deverá ser colocado na caixa do correio. “Há um grande número de reclamações com relação às contas e leituras abusivas, pois, segundo os sumareenses já lesados com a prática de cobranças indevidas, é constante as contas apresentarem erros grosseiros, obrigando os responsáveis pelas faturas a procurarem, pessoalmente, seus direitos junto às Companhias fornecedoras dos serviços. Isso, porém, causa transtornos, devido ao tempo dispensado e o desgaste para tentar resolver o problema”, explicou.

Os vereadores aprovaram ainda o projeto de decreto legislativo nº 06/17, de autoria do vereador Josué Cardozo (SD) que confere título de cidadão sumareense ao Padre Henri Karam Amorim. E também aprovaram o projeto de lei nº 99/17, de autoria do vereador Décio Marmirolli (PSB), para regularizar a Rua 21 do Loteamento Parque Virgínio Basso de Rua Antônio Cézar Germiniani.

O vereador Rudinei Olívio Lobo (PRB) pediu vistas do seu projeto de lei nº 72/17 para análise e discussão. A proposta tem como objetivo obrigar as unidades de saúde do município a colocarem placas nas entradas ou recepções identificando as escalas dos médicos, seus nomes e horários de atendimento.

 

Fonte: Câmara Municipal de Sumaré

Publicado em Sumaré

Fronius apresenta sistema de soldagem Arcing: A prova d´agua

Fenasucro 2017 acontece em agosto

 

São Bernardo do Campo, 28 de julho de 2017 – A ÚNICA – União da Indústria da Cana-de-Açúcar – e o Centro de Tecnologia Canavieira (CTC), concluiu no final de abril deste ano a estimativa para Safra 2017/2018 de cana-de-açúcar. A previsão indica 585 milhões de toneladas, queda de 22,14 milhões de toneladas em relação às 607,14 milhões de toneladas processadas na safra anterior. Esta queda resulta, sobretudo, da ligeira retração na área disponível para colheita e da diminuição esperada na produtividade agrícola do canavial a ser colhido no ciclo 2017/2018.

Um dos maiores problemas enfrentados pelas indústrias de cana é na hora da moagem. São poucas empresas que ainda dispõem de tecnologia para enfrentar as chuvas, sem contar, que há muitos equipamentos no mercado que tem danos irreparáveis quando molhados.

A Fronius - líder em tecnologia no setor de solda – dispõe de tecnologia de última geração através de seu sistema de soldagem Arcing: desenvolvido para revestimento em frisos dos rolos de moendas das usinas de açúcar e álcool.

 

Por possuir um sistema moderno e seguro, não necessita de um operário.

A máquina apresenta um desgin portátil e foi criada especificamente para a atuação em ambientes severos, como, debaixo de água e superfícies sujas devido ao esmagamento de rolos de moendas de açúcar durante a moagem.

O equipamento apresenta duas opções ao cliente: trabalhar com um ou dois arames. Com dois arames é possível otimizar ainda mais o tempo de produção, mas ambos proporcionam total segurança na operação. Por ter tochas refrigeradas, o consumo do bico de contato (que faz a solda) é menor, resultando em menos paradas e reduzindo a manutenção do sistema. Outra vantagem para o consumidor é que pode ser utilizado para realizar reparos nos frisos durante a safra, ou seja, onde há desgastes contínuos (linhas de desgaste localizadas entre o material do friso e a camada da lateral aplicada – veias de desgaste que geram a quebra de pedações do friso).

O Arcing utiliza duas fontes de soldagens reguladas e monitoradas pelo microprocessador de cada máquina. Oferece uma perfeita ignição que impede que o arame grude no rolo na hora de desligar o arco. Em caso de queda de energia, o equipamento não precisa ajustar ou ser programado novamente. Basta acessar o programa, referenciar e reiniciar a soldagem. Para facilitar sua manipulação, contém estabilizador de arco totalmente digital, faixa de entrada de energia estendida, multivoltagem compatível e um gabinete montado no carrinho da própria fonte de soldagem. É protegido pelo IP 67 ** (veja abaixo), ou seja, produto completamente protegido à prova de poeira e água. Ou seja, o sistema suporta por 30 minutos sua imersão dentro da água em profundidade de até um metro. A soldagem pode ser realizada de diversas formas: picote, solda lateral, solda base, solda de sobrebase e chapisco.

** Sistema de avaliação de proteção IP é um padrão definido pela norma internacional IEC 60529. O sistema de avaliação classifica o grau de proteção fornecido por um compartimento de equipamento elétrico contra objetos sólidos (poeira) e líquidos (água, óleo, etc).

 

Feira do setor

Entre os dias 22 e 25 de agosto de 2017 acontece a Fenasucro, única feira a reunir todo o setor sucroenergético. A exposição acontecerá no Centro de Eventos Zanini, em Sertãozinho/SP, das 13h às 20h.  A multinacional austríaca Fronius estará presente com o sistema de soldagem Arcing, ideal para o revestimento em frisos dos rolos de moendas das usinas de açúcar e álcool.

 

Sobre a Fronius

É líder em tecnologia em todos os segmentos atuantes e está presente no mundo todo e com uma importante participação na Europa, nas Américas incluindo o Brasil. Em território brasileiro, sua matriz está localizada em Diadema (SP) e dispõe de cinco filiais:   São José dos Pinhais – PR, Contagem – MG, Araraquara – SP, Caxias do Sul – RS e Manaus - AM.

Publicado em Sumaré

O próximo concurso público da Câmara Municipal de Sumaré terá reserva de vagas para negros e negras. Foi aprovado por unanimidade o projeto de resolução nº 10/17 nesta terça-feira, dia 28 de março, na 8ª Sessão Ordinária.

 

Proposta do vereador Ulisses Gomes (PT), o projeto de resolução prevê limite mínimo de 20% das vagas para negros e negras. A reserva de vagas será disponibilizada sempre que o número de cargos ou empregos públicos oferecidos for igual ou superior a três.

 

De acordo com o texto da resolução, será considerado negro ou negra, o candidato ou candidata que assim se autodeclare no momento da inscrição para o concurso, conforme o quesito cor ou raça utilizado pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

 

“Essa lei pode até não reduzir a desigualdade racial, mas aumenta as oportunidades dos negros serem concursados. É uma maneira de diminuir o prejuízo histórico, que nos causou dificuldades com escolaridade e emprego. Essa lei é um marco que contribui para que o nosso estado seja mais justo, com menos desigualdades e mais oportunidades para todos”, comentou Ulisses.

 

CIDA SEGURA

 

O vereador Willian Souza (PT) apresentou em regime de urgência o projeto de decreto legislativo nº 02/17 que altera o decreto legislativo nº 349 que instituiu o Diploma de Honra ao Mérito Cida Segura.

 

O projeto aprovado muda o artigo 2º e o artigo 3º. Dessa forma, a homenagem às mulheres que tenham se destacado em trabalhos voltados à população sumareense não mais será realizada apenas no dia 08 de março. Com a alteração a sessão solene poderá ser realizada durante o primeiro semestre de cada ano, cuja data será definida pelo presidente da Câmara Municipal.

 

Outra alteração prevê o aumento do número máximo permitido de homenageadas de 7 (sete) para 21 (vinte e uma) mulheres. “Entendo ser importante flexibilizar a data, tornando possível realizá-la em qualquer momento durante o primeiro semestre de cada ano, não sendo, portanto, obrigatório promover a homenagem apenas no Dia Internacional da Mulher, período em que costumeiramente se realiza inúmeras congratulações às mulheres”, comentou o vereador Willian.

Os vereadores também aprovaram 120 indicações, 05 requerimentos e 09 moções na 8ª Sessão Ordinária do ano.

 

Fonte: Câmara Municipal

Publicado em Sumaré

 

Todo candidato e toda candidata a uma vaga de emprego passa por uma entrevista de seleção antes de ser admitido. Mas o que muitos não sabem é que perguntas que não tratam sobre a sua carreira e sua competência profissional serão proibidas em Sumaré com a aprovação do projeto de lei nº 35/17 aprovado na noite desta terça-feira, dia 21 de março, na 7ª Sessão Ordinária do ano.

A proposta proíbe empresas e entidades de inquirir, por quaisquer meios, sobre a religião do candidato a vaga em questionários, formulários ou entrevista de emprego, admissão ou adesão a empresas públicas ou privadas, sociedades, clubes e afins.

Como advertência, o projeto determina que as empresas que não cumprirem ficarão proibidas de contratar ou firmar convênios com o Poder Público, ou mesmo usufruir de quaisquer incentivos fiscais.

“O questionamento sobre a opção religiosa acaba por constranger o entrevistado, já fragilizado pela necessidade de um emprego. A vida pessoal do candidato não deve ser pautada nas seleções de emprego e, sim, na qualificação técnica, nos méritos do candidato e nas exigências específicas do cargo colocado à disposição”, comentou o parlamentar.

O projeto está em consonância com a Lei Federal nº 9.029, de 13 de abril de 1995, que proíbe a adoção de qualquer prática discriminatória e limitativa para efeito de acesso à relação de trabalho, por motivo de sexo, origem, raça, cor, estado civil, situação familiar, deficiência, reabilitação profissional, idade, entre outros.

Os vereadores de Sumaré também discutiram sobre as fiscalizações, diligências e demandas na primeira parte da 6ª Sessão Ordinária do ano, conhecida como expediente. Nesta fase foram apresentados indicações, requerimentos e moções.

 

Fonte: Câmara Municipal

Publicado em Sumaré

Tapeçaria Maracanã

Programa de reconstrução capilar

 Revista Época

Anunciante Clements

© 2017 - Grupo Interativo Negócios | Jornal Sumaré | Jornal Interativo | Site Interativo

Rua Conceição, 233 - CEP 13.010-916 - Campinas/SP

Fones: (19) 3384-6388 / 99283-6239 Whatsapp

E-mail: contato@jornalsumare.com.br

 

Edições semanais com 5 mil exemplares distribuídos em 175 pontos em toda cidade,
Em supermercados, bancas de revistas e jornais e algumas empresas.