São Paulo, agosto de 2018 – Começa nesta quinta-feira, dia 9, o 62º Campeonato Brasileiro de Polo na Helvetia Polo Country Club, situada na avenida Hurlinghan, 394 –Indaiatuba/SP. O campeonato, que acontece até o dia 26 de agosto, conta com torneios de 4, 8 e 16 gols de handicap. O time Guabi Polo Team entra em campo com 4 jogadores: Wolff Klabin, com handicap 2; Dudu Junqueira e Gustavo Toledo, ambos com handicap 5 e Chico Junqueira, com handicap 4. O Guabi Polo é atualmente tricampeão brasileiro (2011, 2013 e 2016), e este ano disputa o torneio de 16 gols, com mais sete equipes.

 

O Guabi Polo Team estreia na competição no sábado (11/8) contra o time de São Pedro; no domingo (12/8) o time enfrenta o Colorado e no próximo sábado (1/8) disputa com o Flamboyant. Apesar de estar com uma nova formação para o campeonato deste ano, o time está muito confiante com o título de tetracampeão, “A equipe é nova em formação, mas já jogamos juntos há um tempo e estamos todos muito confiantes e focados no tetra” declara Gustavo Toledo, que está no time desde 2009.

 

O torneio de 8 gols começa nesta quinta-feira (9/8) e sua final está prevista para o último sábado de agosto (25/8), mesmo dia da final do torneio de 16 gols, que tem início no sábado (11/8). A modalidade de 4 gols deve estrear no mesmo dia do torneio de 16 gols, mas tem sua final agendada para o domingo (26/8). A programação pode sofrer alteração por conta do tempo.

 

Sobre a Guabi Nutrição e Saúde Animal

 

A Guabi Nutrição e Saúde Animal é uma empresa que há mais de 44 anos se dedica ao desenvolvimento e fabricação de produtos de alta qualidade, voltados para o bem-estar de todo o ciclo: animais, produtores, criadores e consumidor final. Investe na qualidade dos insumos e tecnologias de ponta que garantam o melhor resultado, e é hoje uma das maiores empresas de nutrição e saúde animal do país. Tem forte atuação em todos os estados brasileiros e exportações frequentes para mais de 30 países. Atualmente, a Guabi possui cinco unidades fabris distribuídas pelo Brasil, além de dois Centros de Distribuição localizados na região Nordeste e de seu Escritório Nacional, em Campinas/SP.

 

Fonte: Lúcia Nunes

 

 

Publicado em Esportes

Hoje tem jogo pelas Oitavas de Final na Libertadores e o Palmeiras vai enfrentar o Cerro Porteño em jogo da primeira fase.

 

 

Libertadores: tudo o que você precisa saber sobre Cerro Porteño x Palmeiras

Primeiro duelo das oitavas de final será nesta quinta-feira, às 21h45, em Assunção

 

Cerro Porteño e Palmeiras abrem nesta quinta-feira, às 21h45 (horário de Brasília), a disputa por uma vaga nas quartas de final da Taça Libertadores. O jogo será disputado no estádio Nueva Olla, em Assunção, no Paraguai.

 

Dono da melhor campanha da fase de grupos, o Verdão terá a vantagem de decidir a vaga em casa – o duelo de volta está marcado para o dia 30 de agosto, na arena palmeirense. Em campo, Felipão será obrigado a mexer na equipe titular por causa dos desfalques de Marcos Rocha e Willian.

 

O Cerro Porteño avançou para o mata-mata da Libertadores com um bom retrospecto. Mesmo na vice-liderança do Grupo 1, os paraguaios somaram 12 pontos, o que o deixou como o melhor segundo colocado do torneio. A pontuação, inclusive, daria a liderança ao time em cinco das oito chaves da fase de grupos.

 

Transmissão: SporTV (com Milton Leite e Mauricio Noriega)

 

Cerro Porteño - técnico: Luis Zubeldía

 

Mesmo sem grandes contratações durante a parada no torneio para a disputa da Copa do Mundo, o Cerro chega para os duelos contra o Palmeiras em bom momento. O time, que terminou com o vice-campeonato local no primeiro semestre, aposta no momento de Diego Churín – o atacante marcou quatro gols na Libertadores e é o maior goleador do Campeonato Paraguaio após quatro rodadas, com três bolas na rede.

 

Quem está fora: Alvaro Pereira (fratura do quinto metatarso).

 

Palmeiras - técnico: Luiz Felipe Scolari

 

Com dois desfalques, Felipão será obrigado a mexer na equipe titular do Palmeiras. Depois de dois jogos em sequência sem sofrer gols, o treinador agora tenta melhorar a produção ofensiva do Verdão. Borja, que retornou ao time no último domingo após se recuperar de uma artroscopia no joelho direito, será titular.

Quem está fora: Willian (lesão muscular), Marcos Rocha (sobrecarga), Gustavo Gómez e Alejandro Guerra (transição física).

 

Arbitragem

 

Fernando Rapallini (Argentina) apita a partida, auxiliado por Juan Belatti (Argentina) e Gabriel Chade (Argentina).

 

Fonte: Site Globo Esporte

 

 

Publicado em Esportes

O Campeonato Amador de Sumaré começou bastante disputado. Pela 1ª Divisão, o Fumaça, atual campeão e um dos grandes favoritos ao título, iniciou a competição com o pé direito: venceu o Sol Nascente pelo placar de 3 a 1 pela primeira rodada. Com o resultado, o time do Matão é um dos líderes do Grupo A, junto do EC Ipiranga, Salerno FC e EC Bom Retiro, que também venceram na estreia as equipes do Colorado, Virgilio Basso e Santiago FC, respectivamente.

 

Já pelo Grupo B, o União Bom Retiro, outro favorito ao título (atual vice-campeão), estreou com derrota por 1 a 2 contra a equipe do Canarinho, que divide a liderança com União Bandeirantes e Unidos da Vila Picerno. As equipes venceram o Real Salvador e Meninos da Vila Picerno, respectivamente.

 

Cada grupo tem 10 equipes, que jogam entre si na primeira fase. As oito melhores de cada chave passam para as oitavas de final e as duas com menor pontuação serão rebaixadas para a 2ª divisão. A competição segue no próximo fim de semana. O Fumaça joga contra o Furacão no domingo (5), às 10h10, no campo do Alvorada. No mesmo dia e horário, o União Bom Retiro tenta a recuperação contra o Unidos da Vila Picerno, no campo do Centro Esportivo.

 

OUTRAS DIVISÕES

Na 2ª divisão, pelo Grupo A, três equipes venceram e estão na ponta da tabela: Caramuru FC, Unidos Conceição e Florêncio. O destaque foi justamente a equipe do Caramuru, que venceu o Praça do Sol por 9 a 0. Já pelo Grupo B, não houve empates. Dessa forma, cinco equipes dividem a liderança: Paulistano, Beira Rio, Estrela Nova Veneza, Real Bordon e Guarani.

 

A categoria Master também começou a todo o vapor. O União Bom Retiro, atual campeão, estreou mal, com derrota contra o AD Gazeta, que é o líder do Grupo B ao lado de América Paraíso e Juventude Denadai, todos com 3 pontos. No Grupo A, União 03 Vilas e Sol Nascente venceram AC Matão e Nova Independência, respectivamente.

 

O Campeonato Amador de Sumaré é organizado pela Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer. Para mais informações sobre os jogos, locais e resultados, acesse o site www.esportesumare.com.br.

 

Fonte: Secretaria Municipal de Comunicação

 

 

Publicado em Sumaré

As 1ª e 2ª divisões do Campeonato Amador de Sumaré começam no próximo domingo, dia 29 de julho. Os grandes destaques dessa primeira rodada são as partidas de Fumaça e União Bom Retiro, campeão e vice da divisão de elite em 2017, respectivamente. O Fumaça enfrenta o Sol Nascente pelo Grupo A às 10h10, no campo do Matão. No mesmo horário, no campo do Bom Retiro, o União Bom Retiro pega o Canarinho.

 

“Estamos certos de que essa será mais uma edição do campeonato em que nossos atletas mostrarão toda a força e garra do futebol amador sumareense. Contamos com a presença da população para prestigiar os jogos e torcer pelos times de suas regiões”, disse o prefeito Luiz Dalben.

 

Já a categoria Master começa no sábado, dia 28 de julho, e no domingo acontece mais uma rodada da Seletiva para a 3ª divisão, que definirá outras 9 equipes que se juntarão às 23 já definidas. Duas grandes goleadas marcaram o início da seletiva: o União Nova Terra e o Juventude do Ypê eliminaram o Raça São Judas e o Unidos São Judas, respectivamente, por 5 a 0.

 

Ao todo, são 84 times participantes das quatro categorias do Campeonato Amador de Sumaré, envolvendo aproximadamente 2.500 atletas do município.

 

O Campeonato Amador de Sumaré é organizado pela Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer. Para mais informações a respeito dos jogos, locais e resultados, acesse o site www.esportesumare.com.br.

 

Fonte: Secretaria Municipal de Comunicação

 

 

Publicado em Sumaré

No primeiro dia de competições dos Jogos Regionais, Sumaré já conquistou sua primeira vitória. Em partida realizada nesta quarta-feira, dia 18, a equipe de handebol masculino venceu o time de Santa Bárbara D’Oeste, anfitriões do torneio poliesportivo, por 21 a 19.

 

Já nas outras modalidades, os sumareenses não se saíram tão bem no primeiro dia de competições. No vôlei de praia masculino, Sumaré foi derrotada por Hortolândia por 2 a 0; no futebol masculino sub 20, Rio Claro saiu com a vitória por 1 a 0; já no basquete masculino sub 20, Casa Branca 110 a 32.

 

Nesta quinta-feira, dia 19, o vôlei de praia masculino conseguiu se recuperar, após vitória por 2 a 0 contra a cidade de Aguaí. No futebol masculino sub 20, porém, a segunda derrota, dessa vez por 2 a 0 contra a cidade de Vargem Grande do Sul. Ainda neste dia, Sumaré entra em quadra no basquete masculino sub 20 (Campinas), handebol masculino (Limeira), e também nas disputas do atletismo ACD, atletismo convencional e ciclismo masculino e feminino.

 

No dia 20, haverá disputas no basquete masculino (Rio Claro) e handebol (Atibaia).

 

JOGOS REGIONAIS 2017

 

No ano passado, o paratletismo sumareense conquistou a 1ª colocação no quadro geral de medalhas dos Jogos Regionais de 2017, somando 62 medalhas, sendo 32 de ouro, 17 de prata e 13 de bronze. As equipes masculina e feminina de Natação ACD também deram show: conquistaram um total de 14 medalhas – a equipe feminina terminou a competição na 3ª colocação geral; já a masculina, na 6ª posição. E não foram apenas os paratletas que trouxeram medalhas para a cidade. Também foi destaque nos Jogos Regionais 2017 a equipe de damas mista de Sumaré, que garantiu o segundo lugar no pódio na categoria. Já a equipe masculina de karatê ficou com a 3ª colocação, com uma diferença de apenas um ponto entre os primeiros colocados. O ciclismo também conquistou ótimas posições. A equipe masculina terminou a competição na 4ª colocação geral e a feminina, na 5ª posição.

 

Fonte: Secretaria Municipal de Comunicação

 

 

Publicado em Sumaré

Os grupos da primeira fase das três divisões principais e também da categoria Master do Campeonato Amador de Sumaré já foram definidos, bem como a data de início dessa que é uma das competições mais tradicionais do futebol amador de nossa região. O Campeonato Amador 2018 começa no dia 29 de julho.

Durante essa semana, estão acontecendo os congressos técnicos, que contam com a presença de integrantes da Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer, que organiza a competição, do secretário de Esporte Paulo Sciascio Neto, e representantes das equipes participantes. Já ocorreram os congressos das 1ª e 2ª divisões. Já nos dias 28 e 30 de junho, será a vez da 3ª divisão e da categoria Master, respectivamente.

“O Campeonato Amador de Sumaré é uma das mais antigas competições de nossa região, e conta cada vez mais com mais participantes. Neste ano batemos recorde de equipes inscritas, contando também com a seletiva, e isso mostra o quanto nosso futebol é forte e disputado”, disse o prefeito Luiz Dalben.

Ao todo, são 84 times participantes das quatro categorias, envolvendo aproximadamente 2.500 atletas do município.

Confira os grupos do Campeonato Amador 2018:

1ª Divisão

Grupo A

Grupo B

Fumaça

União Bom Retiro

Furacão

Camarões

Nacional

Unidos da Vila Picerno

Virgilio Basso

Renovação

Salerno FC

Real Salvador

Sol Nascente

Canarinho

EC Bom Retiro

Nova Terra

Santiago FC

Real Brasil

EC Ipiranga

Meninos da Vila

Colorado

União Bandeirantes

 

2ª Divisão

Grupo A

Grupo B

Baxada

Beira Rio

Florêncio

Atlético Milli

América

Paulistano

Gama

Real Bordon

São Judas

União Salerno

Galáticos

Parceiros

Juventude Denadai

Estrela Nova Veneza

Unidos Conceição

Paulista

Caramuru FC

Guarani

Praça do Sol

Palestra

 

3ª Divisão

Grupo A

Grupo B

Cruzeirinho

Garotos da Vila

Montana

U. Nova Veneza

Amizade

Elite Nova Veneza

Real Santa Cruz

EC Viel

 

 

Grupo C

Grupo D

Família Unida

União 03 Vilas

Vila Nacional

Expressinho

Seca Litro

AC Matão

União Amizade

Andradina

 

 

Grupo E

Grupo F

MV Caramuru

Piauí

U. N. Esperança

Atlético Red Bull

Paraíba

Guarani

Nacional Paraíso

AGR João Paulo II

 

 

Grupo G

Grupo H

Praça do Sol

GE Santiago

União São Judas

Palestra

RU Vila Soma

U. Conceição B

PSI

Soma FC

 

Categoria Master

Grupo A

Grupo B

União 03 Vilas

Paulistano

União Nova Veneza

Juventude Denadai

Amível

AD Gazeta

AC Matão

América Paraíso

DallOrto

União Bandeirantes

Grêmio Maria Antonia

União Bom Retiro

 

Fonte: Secretaria Municipal de Comunicação

 

 

Publicado em Sumaré

A primeira rodada das quartas de final da Copa Metropolitana, que ocorreu nesse fim de semana, foi bastante disputada: quatro empates em quatro jogos, incluindo as partidas das equipes sumareenses Unidos da Vila Picerno e Fumaça. Com o placar igual, as equipes terão de vencer no jogo de volta para avançarem às semifinais.

 

O Unidos da Vila Picerno saiu com um empate por 2 a 2 contra o Pq. Anhumas FC. Os gols sumareenses saíram dos pés de Mineiro e Jair. Já o Fumaça – atual vice-campeão da Copa – empatou com o Mancha, pelo placar de 1 a 1. O gol da equipe do Matão foi anotado por Perere.

 

            Os jogos de volta acontecem no próximo domingo, dia 29 de abril, com horários e locais a serem definidos. Para acompanhar o andamento da competição, basta acessar o site da Liga Regional Desportiva Paulista (www.liredep.com.br), organizadora do campeonato.

 

Fonte: Secretaria Municipal de Comunicação

Publicado em Sumaré

Palmeiras já sabe quem será seu adversário nas quartas de final do Campeonato Paulista. Com a vitória por 2 a 1 sobre o Santos, o Novorizontino garantiu a classificação no Grupo C do Estadual e vai encarar o time alviverde.

 

Ainda não está definido, porém, quem decidirá o duelo em casa. Para assegurar a segunda partida no Palestra Itália, o Alviverde precisa de ao menos um empate no Choque-Rei contra o São Paulo, nesta quinta-feira, às 20h30 (de Brasília), na Arena.

 

A equipe comandada por Doriva subiu aos 17 pontos, com cinco vitórias, contra 14 pontos e três triunfos do São Bento. Com apenas uma rodada a ser disputada, a equipe de Novo Horizonte está garantida no mata-mata para um reencontro com o Palmeiras, time que justamente despachou o time auri-negro do Paulistão em 2017.

De quebra, o Novorizontino ainda confirmou uma das três vagas que o Paulistão dá para a Série D do Brasileirão de 2019. Ituano, São Caetano, Ferroviária, Mirassol e RB Brasil ainda lutam pelos dois outros postos no nacional do ano que vem.

 

 

Publicado em Esportes

Com direito a mais um apagão no Pacaembu, a folclórica "lei do ex" e um gol nos minutos finais, Corinthians e Santos fizeram uma grande partida e empataram por 1 a 1, neste domingo à noite, pelo Campeonato Paulista. O resultado foi justo, mas acabou deixando um gosto amargo para os corintianos, que venciam a partida até os 41 minutos. Entretanto, os jogadores do times da casa lutaram até o fim de conseguiram evitar a derrota.

 

O retrospecto de Fábio Carille em clássicos desde que assumiu o clube se mantém muito bom, apesar do empate. Foram 14 jogos, sendo nove vitórias, quatro empates e apenas uma derrota. Já o Santos consegue respirar um pouco mais aliviado após perder para o Real Garcilaso, em sua estreia na Libertadores.

 

O gol corintiano saiu justamente do volante Renê Júnior. No futebol, dentre tantas leis e regras que não existem explicações lógicas, uma delas é que existe uma tal "lei do ex" em que um jogador, quando enfrenta um clube que defendeu, sempre vai marcar um gol. Evidentemente, essa folclórica regra não se aplica na maioria das vezes, mas, neste domingo, aconteceu. Renê Júnior passou pelo Santos em 2013 sem deixar muitas saudades e, quando saiu do clube, deu entrevistas na época admitindo que ia embora triste, por ter sido um dos responsabilizados pela temporada ruim do clube.

 

Foi um clássico bem diferente no Pacaembu, principalmente para os corintianos, que por tantos anos chamaram o estádio municipal de sua casa e, mesmo com a chegada da sua arena, ainda mantêm um carinho pelo local onde tantas alegrias tiveram. Neste domingo, o "dono da casa" foi o visitante diante de quem espera fazer com que a cada dia o tradicional palco do futebol paulista se torne a sua segunda casa. Os santistas presentes fizeram muito barulho e apoiaram a equipe até o fim, mas isso não adiantou diante de um rival que parece não se abalar ao enfrentar seus maiores adversários.

 

Jair Ventura resolveu promover duas importantes mexidas no time que deveriam surpreender o Corinthians, mas elas não surtiram o efeito esperado. Ele colocou o Léo Citadini no lugar do experiente Renato, que não vinha bem nos últimos jogos. Mas o garoto parece ter sentido a importância do jogo. Outra alteração foi a entrada do novo candidato a estrela do clube, o menino Rodrygo, de apenas 17 anos, na vaga de Gabriel Barbosa, suspenso.

 

As duas equipes iniciaram o jogo ligadas nos 220 volts, nem pareciam que haviam jogado no meio da semana pela Libertadores e que tiveram que encarar os efeitos da altitude nestes confrontos. O ímpeto, entretanto, durou cerca de 15 minutos, quando os times passaram a deixar mais clara suas propostas para superar o rival.

 

O Corinthians, no primeiro tempo, voltou a demonstrar aquele estilo, até certo ponto, traiçoeiro. A equipe de Fábio Carille parecia recuada, com receio de ser pressionada pelo adversário, mas, quando percebia que os santistas tinham dificuldades para sair do campo de defesa, sufocava a marcação e foi assim que quase abriu o placar em pelo menos duas boas oportunidades, antes de conseguir, de fato, balançar as redes. No segundo tempo, o time caiu de rendimento e não conseguiu superar a pressão do rival.

 

O curioso é que o gol saiu justamente de um lance que se desenhava como despretensioso. Aos 20, o volante Renê Júnior arriscou de fora da área um chute forte, mas que parecia ser de fácil defesa para um goleiro do nível de Vanderlei. Entretanto, no meio do caminho, a bola desviou em Léo Citadini, afundando ainda mais a péssima atuação do garoto e consagrando o volante corintiano contra seu ex-time, de onde saiu sem deixar saudades.

 

Foi após o gol que o Santos percebeu que tentar chegar ao gol de Cássio pelo toque de bola e com Vecchio armando o jogo, seria algo difícil. Assim, passou a apostar nos lançamentos para Copete, Rodrygo e Sasha, que pegavam a bola nas pontas e cruzava para a área, mesmo sem ter ninguém para concluir, facilitando a vida dos corintianos.

 

Quando a bola caía nos pés do time visitante, o ritmo de jogo era outro. Rodriguinho e Jadson parecem cada dia mais entrosados e criaram diversas boas jogadas, através de tabelas e achando Clayson pelas beiradas, que chegou com liberdade nas costas de Daniel Guedes.

 

No segundo tempo, Jair Ventura tirou Copete e colocou Arthur Gomes, dando uma nova dinâmica ao time. O volume de jogo do Santos cresceu, os novos "donos da casa" pressionaram na busca pelo empate e tiveram boas oportunidades com Alison e Vecchio, mas não conseguiram superar Cássio. Com o passar do tempo e as mudanças nos dois times, o jogo voltou a ser mais equilibrado e o relógio passou a jogar contra os ansiosos santistas.

 

Até que, aos 21 minutos, as luzes do Pacaembu se apagaram, repetindo o que vem se tornando uma rotina em jogos no estádio municipal. Já foram oito partidas só neste ano. Coincidentemente, o prefeito de São Paulo, João Doria, estava no local para acompanhar o clássico, já que é torcedor santista. Segundo informação da Prefeitura, um problema envolvendo a caixa primária de luz do estádio fez com que a eletricidade não chegasse aos refletores.

 

Após 48 minutos, o jogo foi reiniciado e Santos voltou parecendo estar com o fôlego renovado e passou a pressionar mais ainda, mas sem conseguir finalizar com qualidade. Ansiosos, os jovens santistas erravam o último passe antes da finalização e faziam com que o sufoco não tivesse um resultado esperado. Pelo contrário, o Corinthians foi quem teve uma grande oportunidade com Jadson, que tirou de Vanderlei e bateu firme, mas Daniel Guedes salvou em cima da linha. Em seguida, Rodriguinho pegou rebote de escanteio, encheu o pé e Vanderlei praticar uma grande defesa, para evitar o segundo gol.

 

Mas os minutos finais reservaram emoção. Aos 32 minutos, Diogo Vitor entrou no lugar de Rodrygo. Aos 41, o garoto aproveitou rebote do goleiro Cássio, encheu o pé e garantiu o empate, para a alegria dos santistas, que lotaram o Pacaembu e fizeram uma grande festa do início ao fim do jogo e foram coroados com o gol nos minutos finais. A vitória não aconteceu, mas os mandantes deixaram o estádio mais eufóricos pela forma com que o time se portou diante dos corintianos.

 

FICHA TÉCNICA

 

SANTOS 1 X 1 CORINTHIANS

 

SANTOS - Vanderlei; Daniel Guedes, Lucas Veríssimo, David Braz e Jean Mota; Alison, Léo Citadini e Vecchio (Vitor Bueno); Copete (Arthur Gomes), Eduardo Sasha e Rodrygo (Diogo Vitor). Técnico: Jair Ventura.

 

CORINTHIANS - Cássio; Fagner, Balbuena, Henrique e Maycon; Gabriel, Renê Júnior, Rodriguinho, Jadson (Emerson) e Clayson (Júnior Dutra); Romero. Técnico: Fábio Carille.

 

GOLS - Renê Júnior, aos 20 minutos do primeiro tempo; Diogo Vitor, aos 41 do segundo.

 

CARTÕES AMARELOS - Clayson, David Braz, Gabriel, Vecchio e Balbuena.

 

PÚBLICO - 34.448 pagantes (37.431 presentes).

 

RENDA - R$ 1.052.220,00.

 

ÁRBITRO - Luiz Flávio de Oliveira.

 

LOCAL - Estádio do Pacaembu, em São Paulo.

Publicado em Esportes

Com gol a assistência, lateral-esquerdo é o nome da vitória sobre o Cianorte

 

Com ampla superioridade, o Inter bateu o Cianorte por 2 a 0 nesta quinta-feira, no Beira-Rio, e largou com vantagem no jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil. Iago foi o grande destaque da equipe, com o primeiro gol e a assistência na medida para Edenílson anotar o segundo.

Após a partida, o lateral-esquerdo se mostrou satisfeito com a atuação individual. Por outro lado, preferiu exaltar a força coletiva do Inter.

– Fico muito feliz por esse momento, mas tem que destacar o coletivo. Fui feliz em fazer o gol e dar assistência. A equipe vem me dando conselhos, ajudando muito - destaca o garoto de 20 anos.

 

Se Iago era reserva imediato de Uendel, começa a mostrar produção para brigar pela titularidade. Mesmo assim, o jogador ainda não se vê afirmado no time.

– Não sou titular, o Inter tem um grande lateral que é o Uendel. Fico feliz por ser o craque da partida, mas tem que destacar o coletivo - completa.

Com o resultado, o Inter garante classificação até com derrota por 1 a 0. A partida de volta será disputada no dia 14 de março, em Cianorte. Antes, no entanto, a equipe volta a concentrar forças no Gauchão. No dia 7, o time de Odair Hellmann enfrenta o Cruzeiro-RS no Vieirão, em Gravataí.

 

 

Publicado em Esportes
Página 1 de 2

Tapeçaria Maracanã

Programa de reconstrução capilar

 Revista Época

Anunciante Clements

© 2017 - Grupo Interativo Negócios | Jornal Sumaré | Jornal Interativo | Site Interativo

Rua Conceição, 233 - CEP 13.010-916 - Campinas/SP

Fones: (19) 3384-6388 / 99283-6239 Whatsapp

E-mail: contato@jornalsumare.com.br

 

Edições semanais com 5 mil exemplares distribuídos em 175 pontos em toda cidade,
Em supermercados, bancas de revistas e jornais e algumas empresas.